Conto 8 - A Caçadora

quarta-feira, 23 de junho de 2010

Pegando pesado..haha!

Conto 8: O ponto fraco de Zack


Jessi e Zack 8 do livro “A caçadora”
autora: Vivianne Fair

Ah! Quero só ver agora que eu tranquei a janela!
Não, sério. Esse disfarce de estudante está me matando. Prova! Prova amanhã! Nem sei como se faz isso mais. Agora concurso, manda brasa!
Não lembro mais nada dessas matérias e sumi com todas as apostilas usadas depois que me formei. Quem pode me condenar? Você não faria o mesmo, oras? Pra quê ter essas tralhas ocupando seu armário se a única coisa que você quer é ocupar sua estante com sapatos e livros de...
Opa... ouvi um barulho. Não, Zack, dessa vez aqui você não entra. A janela está trancadinha com cadeado. Que por acaso...
Clac!
...acaba de cair! Minha nossa, como ele fez isso?
Sério, como? Seria extremamente útil se eu fosse trancafiada por algum vampiro ou lobisomem malvado. Ou se ficasse presa dentro da sala do diretor mexendo nos arquivos dos alunos...
Poderes de vampiro são um saco.
Bom, isso porque eu não posso tê-los.
–  Boa noite, safadinha! – disse Zack, enfiando a cara pra dentro da janela, agora aberta.
– Você não reparou que a janela estava fechada? – retruquei com ódio contido.
– Eu pensei que você devia ter feito isso pra que morcegos não entrassem.
– Eu realmente precisaria pôr tranca na janela pra isso? Talvez seja alguém da raça dos morcegos que eu não queira que entre!
– O que você tem contra o Batman?
Suspirei. Não estou nem um pouco a fim de entrar numa outra discussão de ‘eu-sou-o-Batman-e-você-não-é”. Daqui a pouco esse doido faz comunidade no Orkut.
 – Zack, está certo, você provou mais uma vez que seus poderes de vampiro são demais e eu não tenho chance de te matar e blá-blá-blá. Agora dá pra sair daqui, por favor? Tenho uma senhora prova de anatomia amanhã e se você me atrapalhar eu vou me lascar. Tchau e feche a janela quando sair.
– Quê? De jeito nenhum. Quero ver o Príncipe da Pérsia que tá passando no cinema.
– Vai!
– Sozinho? Sem ter você pra eu ficar jogando pipoca no colo? Não tem graça nenhuma.
Sério, o Zack dá umas de carente que vou te contar.
– Dane-se. Eu vou estudar e não há nada que você possa fazer pra... Q-Q-Q-Q-Q-Q-Quê?
Zack tirou a camisa.
Sim, isso mesmo que você ouviu. Acho que ele quer me matar de hemorragia no nariz.
– O QUE RAIOS VOCÊ PENSA QUE ESTÁ FAZENDO??
– Eu quero sair. E como você é safadinha, não vai conseguir se concentrar comigo desse jeito no quarto – ele deitou-se e começou a folhear um dos meus livros de química.
– O qu... ZACK... – respirei fundo, tentando me conter e apertei os olhos, virando-me para o livro – COLOCA... ESSA DROGA DE BLUSA...
– O que foi, Jessi? – escutei por trás de mim a voz dele como se estivesse se contendo pra não rir – Parece tensa!
Preciso mudar de tática. Ele não vai desistir facilmente, vai? Zack conhece todas as armas que existem pra me derrotar. E os bíceps e peitoral dele são covardia para uma pobre mulher indefesa de 29 anos louca pra casar.
Pense, Jessi, pense. Hum...
– E aí, Jessi? Pronta pra ver o filme ou ainda está tentando se concentrar? – ele insistia – Ei, olha pra mim!
Só de imaginar ele na minha cama sem blusa estava me deixando com calor. Queria que fosse o contrário.
Não, epa, quero dizer, deixá-lo sem graça, não ficar sem blusa... bem, você entendeu.
Hum... meu cérebro deu um estalo. Talvez essa tática...
Eu virei de repente na cadeira e Zack sorriu, debochado. Mas o sorriso perdeu um pouco da força quando viu a cara que eu estava fazendo. Não gosta de me chamar de safadinha? Pois então. Vou dar jus ao nomezinho ridículo.
– Que cara é essa, Jessi? – ele piscou, meio incomodado.
– Você tem razão, Zack... – eu disse, tentando conter o nervosismo e chegando pra perto dele – Eu sou safadinha... e você assim está me deixando doida...
Eu tentei não corar e pela primeira vez na vida vi algo que não esperava ver nunca... Zack começou a ficar vermelho.
Isso mesmo, fãs de Zack. O seu vampiro safado estava c-o-r-a-n-d-o.
– Você está blefando – ele contra-atacou.
Eu engoli em seco. Não podia entregar os pontos agora; nessa eu tinha que sair vitoriosa. Tudo bem que ele tenha mais de 800 anos de idade. Mas eu tenho hormônios, querido. Muitos deles.
– Acha mesmo? – inclinei-me um  pouco mais, a ponto de ficar cara a cara com ele e soprar minha respiração quente para cima da sua bochecha – Vamos ver...
Eu senti ele tensionar e procurei não fazer o mesmo. Podia dar certo. Eu sei que sim; tenho que ter mais confiança no meu taco.
Minha nossa, quando vou parar de usar essas expressões tão velhas? Não sou tão jurássica assim.
De repente, tomei um susto: Zack tinha pulado da cama quando toquei meus lábios na orelha dele. Não sei se ele faz isso porque pode não se controlar ou se é por pura timidez, mas o fato é que o olhar dele tremia e me fitava com ar de espanto.
– Jessi, o que você andou lendo, hein? Ou assistindo? Vampire Diaries? Diz agora porque eu vou queimar...
Aproximei-me mais, quase a ponto de encostá-lo na parede.
– Eu que estou queimando, querido. Vem cá dar uma bitoquinha na sua Jessi, vem!
Ele deu um daqueles saltos de vampiro para o outro lado do quarto.
Zack tem medo de cantada!
Minha nossa, agora entendi o pavor que ele tem do fã-clube das garotas de torcida que morrem de amores por ele. Ele fica completamente sem ação!
Não tinha como eu não me aproveitar da situação. Corri ao seu encontro com intuito de agarrá-lo, mas ele pulou pela janela mais rápido do que gato dentro de um canil.
E do jeito que eu estava e do jeito que ele estava, acredito que fosse capaz de mordê-lo.
Suspirei feliz e contente e pude terminar de estudar tranquila. Sem contar que como era prova de anatomia, depois de olhar para aquele deus grego eu ia conseguir tirar um dez tranquila.

Na noite da prova, sentei-me na penúltima cadeira do fundo da sala, feliz e relendo todas as passagens que tinha decorado. Mas não havia percebido que havia cometido um erro. Devia ter sentado na última.
Percebi isso quando ouvi o suspiro audível das meninas indicando que uma benção entrou na sala.
Zack apareceu com um sorriso maroto na porta e me fitou. Argh, vingança à vista.
Mas não havia nada que ele pudesse fazer. Eu tinha estudado e estava pronta. A prova ia ser mole.
Quando ele se aproximou, eu não resisti:       
– E aí, garanhão? Vai tirar a blusa de novo? Ou vai mais longe? Que tal o armário todo?
Ele deu um sorriso sinistro e semicerrou os olhos.
– Você me pegou desprevenido, Jessi... mas aguarde. Está vendo aquele relógio na porta da sala? Está marcando 19:00.
Engoli em seco. Aquilo soou meio ameaçador.
– Sim, e daí?
– Daí que 19:10 você vai estar fora.
– Não vou terminar a prova tão rápido... – minha voz saiu fininha. Comecei a ficar meio apavorada. O que ele estava pensando em fazer? Que vampiro vingativo, puxa!
– Quem disse que você vai terminar?
Eu não respondi. Fiquei olhando para frente, fitando algum ponto no quadro enquanto o professor distribuía as provas. Ele sentou-se atrás de mim em silêncio.
Zack estava falando sério? Mas o que podia fazer? Agarrar-me pelos cabelos e me conduzir pra fora? Eu não ia sair, não sem me dar bem naquela droga de prova!
Quando a prova escorregou na minha frente percebi que tremia ao segurar a caneta. Olhei para o relógio. 19:03. Ele estava blefando, claro que estava. Segurei firme na caneta e comecei a ler a prova.
Respondi a primeira pergunta, ótimo. Fácil. Sentia os olhos de Zack me queimando pelas costas, mas ignorei enquanto partia para a segunda. De repente, ouvi um murmúrio.
– Ei... psst, Jessi! Qual a resposta da 1?
Eu lancei um olhar para o lado. Zack estava todo inclinado na minha cadeira, quase encostando os lábios frios no meu ouvido.
Eu sussurrei por cima do ombro.
– Deixa de ser idiota! Você está por aí há mais de 800 anos, é lógico que sabe a resposta!
– Sim, é verdade. Mas eu quero saber a besteira que você escreveu.
Eu bufei e tornei a olhar pra frente. 19:06. O que ele ia fazer?
Tentei convencer a mim mesma que ele estava só me deixando tensa para errar na prova. Respondi a segunda. Faltavam mais treze, ufa!
Ele se inclinou outra vez.
– Eu não acredito que você escreveu isso! Não saca nada mesmo de anatomia, hein? Quer que eu tire a blusa outra vez?
Eu corei, mas não virei pra trás. Ele não ia vencer! Não há como ele usar os poderes de vampiro aqui e não ser...
Minha prova tinha sumido naquele mesmo instante. Eu sufoquei um grito.
– Zack! Foi você? – sussurrei, apavorada – Devolva minha prova, senão eu te mato!
– Tem certeza? Posso escrever as respostas certas e te devolver!
19:07.
– Tenho sim – cerrei os dentes – me dá essa droga de prova antes que eu...
De repente havia uma prova em minha mesa. Mas não era a minha. No topo do cabeçalho lia-se “Zack Redpath”.
Eu trinquei os dentes.
19:08.
– Devolve a minha prova, seu canalha! Essa não é...
De súbito, havia alguém ao meu lado. O professor.
– Senhorita Jéssica, posso saber o motivo do burburinho aqui?
– N-não é nada, professor... Sério, eu só estava discutindo aqui com Zack que...
– Discutindo com Zack? – ele me cortou – No meio da prova? 
Zack riu atrás de mim.
– S-sim, mas... não, eu só pedi para que ele ficasse quieto porque...
– ... porque senão o senhor poderia desconfiar ­– Zack completou.
– Desconfiar? Desconfiar do quê? Senhorita Jéssica, deixe-me ver essa prova...
Antes que eu pudesse gritar ‘NÃOPELOAMORDEDEUS’ o professor já tinha tomado a prova e lido no cabeçalho o nome daquele vampiro miserável.
– Não preciso dizer mais nada – o professor baixou os óculos e lançou aquele olhar de ‘eu-vivo-para-momentos-como-esse’ – Saiam da sala. Os dois. A nota é zero, a propósito.
– Mas, professor! – tentei argumentar, embora soubesse que não seria válido nada do que eu pudesse pensar – Zack foi quem mudou as provas quando eu não estava olhando...
Como dizer que seus super poderes the flash trocaram nossas provas tão rápido que podia romper a barreira do som?
– Então estava olhando para onde, senhorita Jéssica? A prova de algum outro aluno, por acaso? Queira se retirar!
Eu ainda estava me sentindo meio atônita e fiquei mais ainda quando vi Zack jogando minha mochila nos ombros e chamando:
– ‘Bora, Jessi! Ouviu o ‘fessor!
O professor torceu o nariz para a maneira como Zack se referia a ele, mas como não havia mais nada a fazer, simplesmente suspirei alto e saí, acompanhada pelo idiota que provocou a confusão. Quando olhei de relance para a porta da sala vi o relógio na parede. 19:10.
Bufei do lado de fora.
– Por quê, eu me pergunto, por quê você tem desejo de tornar minha existência deplorável cada dia que passo perto de você, cretino? Por que esse desejo de sair exatamente às 19:10? É pra me testar? Parabéns, você provou novamente que...
– Jessi, pode deixar a bronca pra depois? – ele cortou, puxando-me pela mão – A próxima sessão é às 19:30 e ainda quero comprar pipoca pra jogar em você na sala do cinema antes de entrar! Anda, pode ser que tenha fila!
Eu pisquei atônita. Ele continuou sorrindo feliz e puxando-me para acompanhá-lo.
Dei de ombros.
Eu também queria ver o filme, fazer o quê. Melhor ir antes que saia de cartaz.
Ou tenha outra prova.



 Vivianne Fair

Que maldade...hehehe!




Comentários no Facebook
35 Comentários no Blogger

35 comentários:

  1. aaaaaaahhh.... Gostei dessa, medo de cantada é otimo!!
    Pelo menos a Jessi foi ver o filme q é muito bom..
    Vivy eu fiz um comentario na promo do robert pattison pedindo um livro igual pro zack pra ele naum fikar com ciumes. mas ai eu tava me perguntando se ele posaria para as fotos ou teria q ser a força??

    bejin

    P.S.: Adorei a reforma ta show, amei

    ResponderExcluir
  2. hahaha, que bom! =p Spoileer...kkkkkk! Também amei o filme! =D
    Hum, sabe que não sei? Ele só faria se a Jessi ficasse zangada! Aah, que bom que gostou! ^^ Ficou mais fácil, né?

    ResponderExcluir
  3. Poxa, acabei de ler o conto 8, esse Zack é pertubado mesmo hein? Parece comigo na época do Ensino Médio, rsrs. Abraços!

    Laerte Lopes
    www.laerte-lopes.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. amei simplesmente.... amo o zack e adorei a jessi dando uma de safadinha
    medo de cantada foi a melhos
    viviane simplesmente amo tudo q voce escreve e sério sou sua fã ^^

    ResponderExcluir
  5. KKKK!!
    Até que enfim jessi....
    Mais pq o Zack sempre consegue o que ele quer no final (Por que será hemm??)
    Gostei da mudança tb ^^ ficou muito legal....
    bjs

    ResponderExcluir
  6. rsrsrs
    Não posso ler seus textos quando estou na faculdade. Pareço uma perturbada, rindo loucamente sozinha...
    Enfim, muito bom (pra variar, neah... amo seus textos).
    Será que isso dá certo com alguns não-vampiros também?! rsrsrs
    Bjos! ^^

    ResponderExcluir
  7. Ah, sim. Gostei da mudança. Só não gosto muito de rosa... Mas gostei.
    Bjos! ^^

    ResponderExcluir
  8. To arrasadaaaa!!! O Zack com medo de cantadas?! O.o
    E ainda ficando coradinho???? kkkkkkkk Precisava ver isso! É.IM.PA.GÁ.VEL!!!

    ResponderExcluir
  9. nossa ameii...
    o Zack com medo de cantada o mrlhor e depois corando?... kkkkkk
    ainda to em duvida se o melhor foi ele com medo de cantada ou ele fazendo questao de tirar ela da sala as 19:10 pra ver o filme a tempo xDD
    espero que vc escreva outro em breve...^^
    beijos =^.^=
    Marina

    ResponderExcluir
  10. humm... a proposito so coloco como anonimo pq eu num lempro a senha da minha conta no google xD fazer o que? sou eu!!!
    =^.^=
    Marina^^

    ResponderExcluir
  11. kkkkkkkkkkk!!! Que bom que gostaram! Zack safadinhooo...hohoho! Mas Karlinha...é roxo, não rosa! O.o só clareei a cor..rsrs!
    haha, que bom que vocês gostaraam! Eu já tava ficando preocupada! Que coisa! =P

    ResponderExcluir
  12. No computador que eu olhei estava tipo rosa-choque-berrante-ai-meus-olhos-socorro-estou-cego, mas aqui em casa tá um roxinho bem feliz. ^^
    Bjos! :D

    ResponderExcluir
  13. HAHAHA Zack é um menino de 800 anos! Que bonitinho! Amei! O que me animou ainda mais... Falo de encontrá-lo num beco escuro. hehehehe

    Anny

    ResponderExcluir
  14. kkkkkkkkkkkkkk'
    D++! A-DO-RE-I!!! Então é esse o ponto fraco do Zack... ¬¬ Vou usa-lo quando ele vor atrás de mim por causa da promo do Pattinson. uhuhuhuhu ª.ª

    OBS: A reforma no blog ficou SHOW-DE-BOLA!!! Parabéns!

    ResponderExcluir
  15. Karlinha: haha, sério?? Mas então o outro computer deve estar com o monitor desregulado...eu deixei roxinho mesmo! rsrs! Obrigada, flor! =***

    Anny: hahaha, ai, Anny, que bom que gostooou! Zack é bem levado, mas no fundo..kkk! Age que nem criança! hauhaua, cuidado...se ele te atacar é só passar uma cantada nele! hehe!

    Mari: kkkkkkkkk!! Acabei revelando pra todo mundo o ponto fraco do Zack! Aiaiai, ele vai me matar...tudo bem..eu passo uma cantada nele! hehe!
    Yaaaay!! \o/ Obrigadaa!

    ResponderExcluir
  16. Medo de cantada?! kkkkkkkkkkkkkkk #Rachei
    Só Zack mesmo, de tantas coisas que ele poderia ter medo, é justamente disso que ele tem!! Isso explica porque Zack foge do Fã Clube dele... kkkkkk'
    Coitada da Jessi, quando consegue estudar... se dá mal do mesmo jeito por não fazer a prova!! kkk

    Adorei o conto, Vivi!! E estou amando o segundo livro (tive que pegar emprestado). Eu praticamente acertei sobre o Erik antes de ler, só vendo pela capa mesmo! Adorei ele!! Você se inspirou no Yue (da Sakura), né? Muito lindo!! *--*

    Beijos, Vi!

    ResponderExcluir
  17. Debee: kkkkkk!! Parece um moleque, né?? Mas agora ela sabe do ponto fraco dele, né? Tadinha da Jessi...nada, aposto que ela gosta! kkkkk!!

    Aaah, que bom! rsrs, sério que acertou?? Parabéns, hein?? Não é todo mundo que tem essa capacidade..rsrsrs! Nah, me inspirei no Sephiroth, de Final Fantasy! rsrsrs! Beijookas! =**

    ResponderExcluir
  18. Gostei muito de saber que o Zack tem medo de cantadas!!Chega a ser hilário um vampiro alto, forte e lindo com esse medo!!XD

    Mas pq ele tem que se dá bem sempre???Bem que ele podia se ferrar de vez em quando também!!!
    Nossa...Se alguém faz eu perder uma prova, mesmo se for um vampiro lindo maravilhoso musculoso, eu mato!! LOL

    ResponderExcluir
  19. Aah, mas ele se ferrou sim! No conto 4!! kkkk! Putz, mas ele se vingando é melhor do que quando ele se dá bem..kkkkk! Aah, mas a Jessi não faz lá muita questão não...ela já se formou; só quer manter o disfarce! heuehe

    ResponderExcluir
  20. Hahahahaha Vivi como sempre quase morri aqui
    de tanto rir hahaha
    E.. o Zack sabe mesmo como deixar alguém distraido...
    ele sem camisa *__* eu queria ver isso rsrsrs
    [ao vivo e a cores claro]
    Ah ele vermelhino fou tudo hahahaha que fofo medo
    de cantada so ele mesmo rsrs

    "– Eu realmente precisaria pôr tranca na janela pra isso? Talvez seja alguém da
    raça dos morcegos que eu não queira que entre!
    – O que você tem contra o Batman?"

    Quase cai da cadeira com essa hahahaha

    Adoro quando ele se vinga da Jessi rsrs sempre e garantia
    de risadas, ah gente mais essa ate eu queria viu... imagina
    o castigo dela alem do prof irado rsrs e o zero
    foi ir ao cinema com o Zack! Isso lá e castigo hahaha
    Quem não queria estar no lugar da Jessi?

    Amei o conto!!
    Parabéns Vivi!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  21. Zack me atacar? Vivi, é bom ele correr e muito, antes que eu consiga pegá-lo. hehehe E Jessi, não precisa pegar a estaca... Juro que só dou umas mordinhas no Zack e depois devolvo. :D

    ResponderExcluir
  22. Priii!! Que bom que gostooou, queridaa!! Hhehe! Imagina, ele sem camisa e vermelhinho! Eu também ia querer ver isso, hehe!
    Ele não esquece o Batman, né? hauhaua...nem a Jessi aguenta mais!! Pois é, né? Mas vale a pena tirar zero pra ir ao cinema? Se ela estiver pendurada na matéria...kkkkkkkkkkk!! Obrigaaada! ^^

    Anny: hauahau, estou na sua situação! Se ele encontrar a gente no beco escuro, agora que a gente sabe que ele tem medo de cantada...ferrou-se, hehehe!!

    ResponderExcluir
  23. KKKKKK!!
    morri de rir !!! (Batman...)
    Nossa finalmente a jessi conseguiu pelo menos uma vez!!

    Vivi simplesmente vc arassa !

    ass:Isabelle

    ResponderExcluir
  24. O Zack ficou coradinho, é? Hehe, ai ti fofo, queria ter visto isso, também!^^
    Mas ele roubar a prova da Jessi foi maldade, coitadinha! Imagina... tirou um ZERÃO só porque não pôde com os poderes 'the flash' dele! Ah, mas se fosse comigo, o Zack ia levar uns puxões bem dados na orelha, viu?
    Cuidado aí, bonitão, senão vou te pegar! huáháháháhá! *risadinha do mal muito falsa*

    Beijos, Vivianne!
    PS.: Há chances de sair uma próxima tirinha do "Quem precisa de Heróis" com o Angeal? Quero ver como ele vai ficar! =3

    ResponderExcluir
  25. Wow ! Vivi UAHUA conheci o Zack hihi. Definitivamente vou sonhar com ele hoje UHASUA
    vou ler os outros contos. Adorei, morri de rir aqui :D
    bjos

    ResponderExcluir
  26. Ops, agora que vi como ficou *----------*
    ficou muito mais lindo ;D

    ResponderExcluir
  27. Isa: hahaha, você é um amor, isa!! rsrs!! Fico feliz que tenha gostado!! Beijookas! =**

    Larissa: Ele não é cruel às vezes?? kkk...Merece mesmo levar umas sapatadas! Aah, tem sim; já está até escrito! rsrs!! Beijooos!!

    Isa: hahaha, que bom, hein? hehe!! Yay! beijos!! Aah, que bom que gostou do site..^^

    ResponderExcluir
  28. ah, zack! admita, o q vc faria sem a jessi?
    e jessi, fala sério, vc reclama + vc gosta!

    show vivi!
    bj

    ResponderExcluir
  29. haha, né, Tsuki?? Eles se adoram, por isso que se provocam! hehe

    ResponderExcluir
  30. hahahahahahahah adorei ri muitooo com o zack sem camisa!!! Vampire Diaries kkkkk finalmente conseguimos achar o ponto fraco do zack =D

    Muito bom
    Vivi ;***

    ResponderExcluir
  31. Não acredito que Zack tem medo de cantada.Só a Jessi mesmo pra descobrir um ponto fraco desses.

    ResponderExcluir
  32. nao, de boa, ja tinha matado U.U
    mata Jessi, ae vc fica rica depois da grana que o conselho ia te da.
    Eu levanto os pompons pra vc
    VAAAIIII JEEEESSIIIII.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.